contato@amaralmonteiro.com.br
12 3207 3918

Blog

plano de contingencia

Plano de contingência em TI: qual a sua importância para a empresa?

No cotidiano das empresas, é comum que certas ocorrências causem grandes problemas. A melhor forma de lidar com os imprevistos é criar um plano de contingência voltado para a segurança da informação. Saber o que fazer em caso de necessidade é o primeiro passo para proteger dados estratégicos do negócio.

Está pensando em como criar um plano de ação para sua empresa, mas não sabe por onde começar? Acompanhe este artigo e obtenha informações essenciais para começar a pensar os riscos e criar estratégias!

O que é plano de contingência?

Um plano de contingência é uma série de procedimentos criados pensando em situações em que a operação da empresa pode ser prejudicada. A ideia por trás desse tipo de preparação é garantir que a interrupção do trabalho ocorra pelo menor tempo possível, minimizando os prejuízos.

Quais são as vantagens de planejar a segurança da informação?

As informações contidas nas bases de dados das empresas são cada vez mais importantes para que o trabalho possa ser realizado. Considerando o caráter vital dos dados do negócio, deve-se prestar muita atenção à segurança da informação no plano de contingência.

Ao incluir a proteção de dados no plano de contingência, a instituição aumenta a chance de atingir os seguintes propósitos:

  • evitar a perda irrecuperável de dados em razão de falhas no equipamento, roubos ou falhas humanas;
  • criar mecanismos para recuperar informações perdidas;
  • prevenir a prática de crimes virtuais, como o sequestro de dados.

O que não pode faltar?

Avaliação da estrutura de TI

Quais são os equipamentos e sistemas vitais para o funcionamento da empresa? Onde os dados ficam armazenados? O que precisa estar sempre funcionando? Encontre as respostas para essas perguntas e faça um mapa de toda a estrutura de TI. Ele será muito útil para a tomada de decisões urgentes.

Envolvimento de todas as áreas

Por mais que a garantia de funcionamento do hardware e software da empresa sejam uma responsabilidade do departamento de TI, é essencial ouvir os outros setores. Dessa forma, o plano de contingência será capaz de atender a necessidades reais de todos os departamentos da empresa e não somente aqueles itens que parecem úteis na opinião da equipe de TI.

Definição de uma equipe de gestão de crises

Se o plano de contingência precisar ser acionado, quem cuida de cada função? Planejar antecipadamente as funções de cada membro em caso de problemas permite que as tarefas sejam colocadas em prática com muito mais agilidade. O ideal é criar um comitê de gestão de crises e informar as atribuições a cada um de seus membros e também deixar essa informação acessível aos demais funcionários.

Estabelecimento de estratégias de recuperação de dados

Se a base de dados da empresa ficar inacessível por qualquer motivo, onde fica o backup? Ele pode ser facilmente conseguido? Está armazenado em local seguro? Saber como recuperar dados rapidamente minimiza o tempo de interrupção do serviço.

Uma boa estratégia de recuperação de dados também evita que a empresa fique encurralada e se sinta obrigada a pagar o resgate em caso de sequestro de dados. Esse crime é cada vez mais comum e sua ocorrência não pode ser ignorada no plano de contingência.

A criação de um plano de contingência que inclua aspectos relevantes na garantia da segurança da informação nas empresas é o diferencial entre uma pequena interrupção no serviço e um grande desastre. A melhor forma de evitar que uma ocorrência cause prejuízos relevantes para a operação é estar preparado.

Gostou do artigo? Aproveite para se manter informado ao acompanhar as redes sociais do escritório no Facebook, no Instagram e no LinkedIn!

WhatsApp